Operação Black Out: Polícia Civil faz prisões e conclui investigação sobre furtos em torres de telefonia e internet

Segunda, 18, a Polícia Civil, por meio da Delegacia de Furtos e Roubos de Cargas da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC) e o Setor de Investigação Criminal (SIC) de Itajaí, concluiu as investigações sobre a operação Black-Out. A ação apurou o furto em torres de telefonia e internet. Foram cumpridos mandados de prisão contra dois dos três indiciados nos crime.

Ao terceiro indiciado foram aplicadas medidas cautelares diversas da prisão e um dos adquirentes das baterias furtadas vai responder por receptação. As ordens judiciais foram cumpridas no sábado, em Itajaí. Os envolvidos nos crimes vão responder por associação criminosa, furtos, falsidade ideológica, receptação qualificada e adulteração de sinal identificador.

 

WhatsApp Image 2020 05 06 at 15.27.08

 

De acordo com o delegado Osnei Valdir de Oliveira, a quadrilha utilizava um veículo com sinais identificadores (placas) adulterados para cometer os crimes, assim como criaram perfil falso em rede social para promover a vendas das baterias furtadas, buscando com isso a impunidade. Os dois homens foram presos em suas residências (bairro Cordeiros e São Vicente), em Itajaí, e estão no Penitenciária de Canhanduba.

 

Fonte: Polícia Civil do Estado de Santa Catarina

GOVERNO DE SANTA CATARINA
SECRETARIA DE ESTADO DE SEGURANÇA PÚBLICA

CENTRO ADMINISTRATIVO DA SECRETARIA DE ESTADO DA SEGURANÇA PÚBLICA DELEGADA DE POLÍCIA LÚCIA MARIA STEFANOVICH

Avenida Governador Ivo Silveira, nº  1521 - Capoeiras  - Florianópolis-SC  - CEP: 88.085-000.

Atendimento ao Público: 13h às 19h.

 Fone: (48) 3665-8100 - Email: direcaogeral@ssp.sc.gov.br

2019 SSP/SC. Desenvolvido por DTI - Divisão de Tecnologia da Informação

Search